quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

"Não se pode perder o que nunca se teve"

Mas o que é nosso, não se vai nunca!!!

Acordei hoje com essa frase na cabeça e até agora não consegui tirar. Ontém de madrugada (técnicamente hoje), estive conversando com a Roberta e relembrando histórias do meu "passado" rs. Histórias essas que envolvem pessoas que na época pensei serem "O AMOR DA MINHA VIDA" e que sofri na época em que as perdi. Mas ontém percebi que nunca as tive de fato. Eram pessoas momentâneas, em momentos passageiros, e hoje percebo isso. Há pessoas que passam em nossas vidas mas que não tem a menor pretensão de ficar, enquanto outras sem pretensão de entrar, não saem nunca mais! Estive pensando em outra pessoa que eu nomeava de amigo, mas que saiu da minha vida. Não digo que perdi, pois não posso perder o que nunca foi meu. No entanto, há uns dois anos achei ter perdido um dos melhores amigos que tenho, quando ele começou a namorar foi um momento terrível, pois nossa amizade desmoronou, houve um afastamento tremendo e me doeu muito por um período interminável. Chorei, sofri, mas ontém estava falando com ele e percebi como tudo está quase tão normal como antes. Os "te amo" só quando necessário, e não o tempo todo dando um ar de banalidade, e sinceramente, antes ficava triste com isso, mas hoje acho isso lindo! É um sentimento tão lindo e tão sincero. Percebi isso ontém também, no momento em que ele me estendeu as mãos, quando mesmo com palavras duras me fez erguer a cabeça e parar de chorar. Foi então que percebi que em momento nenhum havia perdido a amizade dele, pois é verdadeira. E amizades verdadeiras, coisa nenhuma destrói, nem mesmo o tempo ou qualquer circunstância. Então percebi que não importa o tempo, o que é nosso sempre volta! Não importa por qual motivo foi, pode ter certeza absoluta que voltará! Hoje tive essa confirmação, estive achando mais uma vez que perderia um amigo, mas então parei e pensei... Até ontém eu pensava a mesma coisa do Rômulo, e olha como estamos... Então coloquei na minha cabeça que se eu perder é porque nunca tive. E se eu nunca tive, não vale a pena nem chorar pensando que perdi.

Pensando em tudo que aconteceu esse ano, nas pessoas maravilhosas que conheci e que já posso chamá-los de amigos, nos momentos que passei, nos amigos da faculdade que me aproximei melhor... Nos momentos em que deixei o orgulho falar mais alto, e nos que deixei ele de lado e fiz o que achava melhor pra mim. Me arrependi, achei ter feito o certo, chorei, sorri, e to aqui =) Pronta pra viver 2011 e ser o melhor que posso, dar o melhor de mim, batalhar pelo que quero, e principalmente, VIVER.

"After a hurricane comes a rainbow"

Agradeço a Deus por ter colocado pessoas tão maravilhosas na minha vida esse ano, confesso que ultimamente estive bem demais quanto a isso!
Não preciso nem dizer...

É, não posso dizer que está tudo perfeito, mas posso dizer enfim que eu to bem =)
Tudo que aconteceu serviu pra eu crescer, eu acho. Todo sofrimento tem seu lado positivo rs, as vezes acredito nisso. Aprendi que nem sempre as coisas vão ser como queremos, mas não podemos deixá-las de lado por isso... Hoje entendi que, por mais que eu sinta algo por uma determinada pessoa, eu sei que não combinamos.. E percebi que a amizade é tudo que eu quero, poi só de estar perto dessa pessoa e sentir seu abraço, fico feliz!! E muuuito. =D Gosto o suficiente pra querer que ele seja feliz, mesmo que não comigo, porque sinceramente, no fundo sei que não é ele a pessoa pra mim, e nem eu a pessoa pra ele. E embora ontém tenha passado um momento bem difícil, tenha chorado, tenha sentido meu coração sair do peito, tenha sentido que tudo havia acabado, aprendi hoje que, as vezes é preciso deixar o orgulho de lado e ouvir o coração. As vezes é a melhor saída pra sair de uma situação ruim, pois as vezes no msn as pessoas não demonstram tanto seus sentimentos como em um abraço apertado! Ah, falando em abraço, devo dizer que é a melhor coisa DO MUNDO!!!! Tem algum gesto que demonstre tanto amor, tanto carinho, tanta saudade e a importância de uma pessoa pra outra?

Devo dizer que os de hoje me fizeram ver que tudo que eu estava pensando quando me levantei estava certo... Não se perde o que nunca se teve. Porque não importa o tempo, os fatos, se acontecer de um se afastar do outro, se for seu, volta. Se a amizade for verdadeira, ela permanece, passe o tempo que passar!!! Claro, tenho que fazer a minha parte. É claro, vou perceber se eu estiver sozinha em uma amizade à dois. Mas se isso acontecer, eu posso dizer que tentei e fiz tudo o que estava em meu alcançe, mas não deu. E aí é hora de me afastar. No entanto, agora estou tranquila quanto a isso, porque pelo menos por enquanto está sendo um sentimento recíproco, e enquanto for assim, meu coração fica em paz! Acho que com isso tudo, amadureci um pouco, e fortaleci meu coração.


Bom, não posso deixar de dizer que estou VICIADA na música Firework, da Kate perry *-*

"boom boom boom
even brighther than the moon, moon, moon
It's always been inside of you, you, you
and now it's time to let it through"

Essa música é linda, e foi ouvindo ela que eu deixei meu orgulho de lado, ouvi meu coração e não me arrependi. Essa letra é contagiante!
Enfim, é só isso. Feliz ano novo! Feliz 2011 *-*


=)

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

"Depois de um furação vem um arco-íris"

Engraçado como as vezes agimos por impulso! De uma coisa pequena se faz uma tempestade, sem perceber se age por impulso e atitudes que não seriam cometidas com a cabeça no lugar! A raiva tem esse poder, nos faz agir de uma forma que normalmente não iríamos agir, e que provavelmente nos arrependeríamos no dia seguinte. Enfim, aprendi que nessas horas o melhor é contar até 10, até 100, até 1000... até a raiva passar e até tudo esfriar. Isso funciona MESMO, é muito eficaz! E é estranho porque no dia seguinte a consequência da sua atitude não é boa e você se pergunta porque fiz isso? E percebe que bobeira fez, mas aí já é tarde... De repente então você começa a ouvir histórias parecidas com o que está vivendo e começa a perceber que agiu impulsivamente e erradamente, e então tudo perde o sentido! Os sentimentos na noite anterior, o desentendimento resultado da forma impulsiva com que agiu, e então, o sentimento mais lindo toma conta de todo seu ser... A vontade de fazer tudo ficar bem! Não sei o nome desse sentimento, mas está consumindo todo meu coração e meu pensamento. Não sei explicar também, sei que... de uma outra forma começo a ver que se a outra pessoa errou, não importa mais, porque eu também errei, e tenho tanta culpa quanto o outro. E a vontade é ligar na mesma hora e dizer tudo que se sente, dizer tudo que está preso na garganta e colocar pra fora. Se sentindo como um fogo de artifício, pronto pra explodir a qualquer momento!!!

Como diz o trecho de uma música, "depois de um furacão vem um arco-íris" ♪ ... Sim.. é a pura verdade. Parece fácil, mas é difícil manter a cabeça no lugar quando se gosta de alguém, parece fácil mas é muito difícil controlar os sentimentos dentro de si. No entanto, se controlado, no dia seguinte é como se o furacão tivesse passado sem deixar muito estrago, ou qualquer um. Mas se não for controlado, é como se a tempestade destruísse tudo de lindo que demorou anos pra contruir, e você pensa "que bobeiira!! como dei importância a isso?! E agora? Acabou tudo?!" ....

Estranho, mas me sinto assim. Não consigo definir muito menos explicar, mas é quase como uma necessidade... Minha vontade era ligar mesmo que 1 hr da manhã, mandar msg dizendo tudo que estou pensando, mas acho que novamente estaria agindo impulsivamente não esperando até mais tarde, em um horário aceitável... Um sentimento que parece que vai me matar se não for feita a sua vontade, parece que não há mais nada no mundo além disso pra ser resolvido. Uma vontade insana de dizer ou fazer o que for possível pra melhorar tudo. Como se o coração fosse sair pela boca, como se não aguentasse esperar. Como se só houvesse o agora pra fazer o que é preciso...
Sabe, não saberia dizer se conseguiria contornar a situação e acabar com o clima estranho que ficou, se conseguiria fazer com que tudo voltasse ao "normal", acabando com as consequências ruins que eu mesma provoquei... Mas com certeza, eu vou tentar! E claro, espero que no final eu consiga, porque, na maioria das vezes, quando a amizade é grande e o erro é de certa forma pequeno, o perdão é mais fácil do que se imagina.
=)

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Eu...

Sou meio bipolar, teimosa, insegura, sentimental, indecisa, irritante, fácil de se irritar, chata, boba, carinhosa, debochada, nervosa, sonhadora, dramática, impaciente, irônica, ciumenta, tímida, compreensiva, engraçada, charmosa, chorona, as vezes transparente, as vezes complexa, sarcástica, carente, boa ouvinte, ótima amiga, exagerada, simpática, curiosa, um amor de pessoa, cuidadosa, sensível, preocupada, brincalhona, frágil, romântica, risonha, e as vezes meio idiota... Crio cenas e situações na minha mente antes de dormir. Fico horas com os olhos fechados pensando em alguém, sem querer dormir pra não perder essa imagem. Já chorei de saudades e quis sair correndo pra abraçar. Adoro ouvir musicas que combinem comigo. As músicas que eu mais ouço, é porque me lembram alguém, e geralmente quero mandar pra pessoa o trecho que me faz lembrar dela. Sou apaixonada por Jesus. Morro de saudade de certos tempos e momentos. Já me apaixonei por meu melhor amigo. Queria saber o que realmente se passa na cabeça de algumas pessoas. Sempre acho que algumas indiretas são pra mim, e acredite, as vezes são. Choro por qualquer coisa, choro de raiva, de felicidade, de tristeza. Meu humor é bipolar, muda de acordo com a situação e com alguém. Tenho medo de tentar, arriscar em algo que não dê certo. Tenho medo de me magoar, e de perder alguém importante. Tenho medo do futuro, do incerto. Quando gosto de alguém, faço de tudo pela pessoa, mas se eu decidir (e conseguir) me afastar, é pra sempre. Li a saga inteira do livro Crepúsculo em 1 semana e meia, ouvindo uma melodia de piano "river flows in you". Li "Querido John". Chorei muito. Estou lendo "A última Música". Faço pirraça quando quero alguma coisa. Faço bico, cruzo os braços e bato o pé até conseguir. Confiei em pessoas que não mereciam metade da minha confiança. Prometi que não deixaria uma situação acontecer novamente, e senti uma dor enorme quando vi que estava acontecendo, e permiti isso. Sempre acho que todas as pessoas são boazinhas, são amigos e querem meu bem. Aprendi da pior forma que isso é mentira. Conheci pessoas que desejei não ter conhecido. Ouvi quem eu gostava falar de outra garota, por medo de dizer o que eu sentia. Tomei chuva só pra dar/ganhar um abraço. Criei desculpas e fiz loucuras pra ver alguém especial. Fingi um sorriso por não poder chorar. Adoro conversar por telefone. Amo andar na chuva. Tenho medo de perder quem eu gosto. Já chorei abraçada com uma amiga no chão do banheiro. Já sentei na areia e fiquei olhando o mar e as estrelas, pensando em alguém. Já bebi pra esquecer alguém e me arrependi depois. Matei aula do curso pra ficar com alguém que eu achava ser o amor da minha vida. Me arrependi. Matei aula da faculdade pra ficar de bate papo. Também me arrependi (um pouco). Amo o frio. Gosto do calor só quando estou na praia/piscina. Sou viciada em coca cola e chocolate. Quando me apaixono, passo parte do meu tempo pensando na pessoa. A outra parte tento encontrar uma desculpa simplesmente pra ver/falar com a pessoa. Tenho muita dificuldade pra expressar o que sinto. Escondo o que sinto, mas meus gestos e olhares me entregam. Tenho crise de risos quando estou nervosa. Me expresso melhor escrevendo, do que falando. Tenho vontade de dizer, mas não digo. As vezes por medo, as vezes por orgulho. Tenho certa dificuldade pra confiar em alguém, mas quando confio, é pra valer. Um simples "oi, tudo bem" de alguém especial faz eu me sentir melhor. Telefono só pra saber se está tudo certo, e tentar ficar bem. Pequenas coisas me magoam. Porém as mais simples e sinceras me deixam feliz. Ouço a mesma música inúmeras vezes, até enjoar e nunca mais ouvir. Vejo filmes repetidos, e até compro o DVD se gostar muito. Amo receber/fazer cafuné em amigos (especialmente se eu gostar de alguém, rs). Gosto de dar conselhos amorosos. Gosto de demonstrações públicas de carinho (depoimentos, scraps, etc). Uso trechos de músicas ou de filmes e livros pra demonstrar o que sinto. Amo conversar por mensagem. Já me magoei com uma pessoa a ponto de não querer vê-la nunca mais, mesmo gostando muito dela. Já menti por alguém que eu pensava amar. Já corri atrás de quem não devia, e só percebi isso depois de muito tempo. As vezes penso duas vezes antes de dizer o que to sentindo/pensando. Nem sempre consigo dizer. Meu coração manda na minha razão. To no 7º período na faculdade de Direito! Conheci pessoas nesse ano de 2010 que sei vou levar pra sempre na minha vida. Algumas será preciso deixar. Amo cinema. Aprendi da pior forma que não se deve confiar em uma pessoa só por ela ser "simpática". Pessoas nem sempre são o que transparecem ser, e me engano facilmente com elas. Me arrependo de não ter dito algo no momento em que devia dizer. Tento criar outra oportunidade pra dizer. Geralmente não consigo novamente. Já vi o pôr do sol com uma pessoa que eu achava ser o amor da minha vida e mais um casal de amigos. No mesmo dia, senti a neblina da madrugada, e a vi tocar no mar enquanto ficava olhando as estrelas. Descobri que todo sonho tem um fim. Quando toca o telefone sempre vem uma unica pessoa em minha mente. Vejo fotos e relembro momentos, por mais que causem dor. Já coloquei na minha cabeça que precisava esquecer, mesmo sabendo que não iria conseguir. Consegui depois. E espero ser assim novamente. Quando deito pra chorar, abraço forte meu ursinho. Tenho pavor de aranha!!! Entro em comunidades que falam por mim. Amo desabafar escrevendo. As vezes algumas pessoas me magoam sem perceber. Nas outras vezes me magoam sabendo o que estão fazendo. Embora esteja apaixonada, sei que não deveria e nem poderia. Isso parte meu coração. Dou gargalhada das piadas mais sem graças que possam existir. Choro com filmes e livros por mais bobos que sejam. Choro ouvindo música. Me sinto uma idiota quando penso muito em alguém, sabendo que essa pessoa não pensa em mim assim. As vezes choro por isso também.

Enfim, já passei por tanta coisa que achei que não fosse superar, e já superei inúmeras coisas que jamais imaginei viver... Continuo vivendo coisas que parecem não passar nunca, mas sei que irão... É a vida, e eu sou assim! =)

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

O amor...

As vezes nos apegamos tanto a uma pessoa, que a temos como NOSSA! Passamos a pensar dia e noite em alguém, a querer estar sempre por perto, a DEPENDER dessa pessoa que se torna especial a cada hora, a cada dia que passa... Chega a ficar difícil apenas a mera possibilidade dessa pessoa ficar longe um dia que seja... É sufocante, que dirá dias, semanas, meses, ou até a vida inteira!

Há um bom tempo eu também tinha um "alguém" assim na minha vida, era o que chamamos de tudo, aquela pessoa que você vive por ela e pra ela, que você conta seus segredos, que conhece seus erros, e te aceita mesmo assim... Que diz que você é única, mais especial do que todos os seres existentes, rs... Que daria a vida por você (pelo menos é o que se ouve por aí...) Enfim, aquela pessoa que diz te amar mais que tudo na vida, com toda força existente no mundo, o famoso "te amo pra todo sempre" ... Quanta bobagem! rs

O amor é um sentimento tão simples, tão puro, tão lindo e tão perfeito... E dói pensar que esteja perdendo o valor que merece ter de verdade! Não apenas um 'te amo' da boca pra fora que depois de 1 mês acaba, o "amor" se foi... Mas aquele amor que se conquista em uma hora, um dia, um mês, um ano... O amor que começa com um "Oii, tudo bem?" e termina com um "conta sempre comigo, meu amigo(a)". O amor que supera a distância, supera a saudade, e que briga alguma destrói... O amor que se conquista com um gesto simples, um toque, o brilho dos olhos, o sorriso sincero, um abraço apertado de saudade, ou até de despedida... Até mesmo no simples lembrar de uma pessoa especial... Aquele sentimento que faz o tempo parar quando se está com alguém, que dá vontade de cantar, e você se vê sorrindo sozinho no escritório, na rua, durante uma aula. E a cada dia você deseja conhecer mais do outro, saber os defeitos, qualidades, os sonhos, e se puder, ainda o ajuda a realizar. Quer ensinar a confiar em você, e aprender a confiar também..

"O que nos faz diferente dos anjos é o AMOR, a possibilidade de amar"

É, esse é o verdadeiro amor! Um sentimento tão puro que você ama descobrir, e descobre quando começa a perceber que a felicidade de alguém, é mais importante do que a sua própria... E não comparo isso com amor próprio, são coisas distintas! Me refiro ao preferir que a pessoa seja feliz longe de você, do que infeliz perto... É claro que devemos nos amar em primeiro lugar, mas quando descobrimos o amor por alguém, muitas vezes sacrifica-se a própria vontade em razão do outro, é um sentimento digno, o sentimento mais lindo que possa existir!
Tanto de homem e mulher, de pais e filhos, de irmãos, de amigos... Não importa, é amor!

Quantas vezes abrimos mão da nossa vontade por alguém? Tem horas que não importa quem esteja ao nosso lado, você precisa DAQUELA pessoa especial, a pessoa que com a voz mais linda do mundo, e com toda paciência vai te acalmar e dizer tudo que você precisa saber, por mais que já saiba inconscientemente... Que vai brigar se você chorar, mas vai te abraçar quando vê que as lágrimas não param de cair... Que vai sorrir contigo ao te ver feliz, mesmo que por dentro esteja doendo muito. Que vai apesar da distância, dizer que nada separam vocês, mesmo sabendo que no fundo não é tão verdade assim, mas você acredita nela!

Agradeço a Deus por ter em minha vida pessoas que eu posso dizer com segurança 'eu te amo', e se forem embora por algum motivo, tenho certeza que o amor que sinto é verdadeiro o suficiente pra esperar que voltem!!!

"Cada vez que eu olho pra trás, vejo o cuidado de Deus.. lembro com carinho o dia que eu conheci você... Hoje eu te respeito demais, vejo a falta que você faz, não demore tanto assim a me procurar, não mandei me conquistar (...) Você merece espaço em meu coração, o meu carinho e a minha comunhão, nossa amizade o Senhor escreveu, nós somos provas do cuidado de Deus... Dia e noite eu vou orar por você, estamos em guerra precisamos vencer, eu sinto força ao segurar sua mão, e nada mais vai impedir nossa oração!"

E se sentir, diga, mas só se for verdadeiro... Pois as vezes pode ser a última chance de dizer como você se sente, e deixar alguém ir embora sem saber pode ser o maior desperdício da sua vida, porque talvez não volte nunca mais!

sábado, 13 de novembro de 2010

A Pessoa Errada

Pensando bem
Em tudo o que a gente vê, e vivencia
E ouve e pensa
Não existe uma pessoa certa pra gente
Existe uma pessoa
Que se você for parar pra pensar
É, na verdade, a pessoa errada
Porque a pessoa certa
Faz tudo certinho
Chega na hora certa,
Fala as coisas certas,
Faz as coisas certas,
Mas nem sempre a gente tá precisando
das coisas certas.
Aí é a hora de procurar a pessoa errada.
A pessoa errada te faz perder a cabeça
Fazer loucuras
Perder a hora
Morrer de amor
A pessoa errada vai ficar um dia
sem te procurar
Que é pra na hora que vocês se encontrarem
A entrega ser muito mais verdadeira
A pessoa errada, é na verdade,
aquilo que a gente chama de pessoa certa
Essa pessoa vai te fazer chorar
Mas uma hora depois vai estar enxugando
suas lágrimas
Essa pessoa vai tirar seu sono
Mas vai te dar em troca uma noite de amor inesquecível
Essa pessoa talvez te magoe
E depois te enche de mimos pedindo seu perdão
Essa pessoa pode não estar 100% do tempo
ao seu lado
Mas vai estar 100% da vida dela esperando você
Vai estar o tempo todo pensando em você.
A pessoa errada
tem que aparecer pra todo mundo
Porque a vida não é certa
Nada aqui é certo
O que é certo mesmo, é que temos que viver
Cada momento
Cada segundo
Amando, sorrindo, chorando, emocionando, pensando, agindo,
querendo, conseguindo
E só assim
É possível chegar aquele momento do dia
Em que a gente diz:
"Graças à Deus deu tudo certo"
Quando na verdade
Tudo o que ele quer
É que a gente encontre a pessoa errada
Pra que as coisas comecem a realmente funcionar direito pra gente...


(Luís Fernando Veríssimo)

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

o velho clichê...

É, to um tempinho sem atualizar aqui... mas sabe que hoje até deu vontade?! não sei se pela saudade, ou se pelo momento... acho que no fundo, um pouco dos dois...

É estranho você hoje olhar pro ontém, vê tudo que passou e de repente notar que alguns meses passaram tão rápido que quase nem percebeu... Sinceramente, há uns meses não imaginaria que estaria assim hoje... Que cresceriam sentimentos dentro de mim que seriam tão urgentes e quase sufocáveis. Compreender que o mundo muda é fácil, o difícil é acompanhar a mudança e se ver mudando obrigatoriamente junto... Por certas vezes a situação pede um pouco de calma e até paciência, o velho clichê "dê tempo ao tempo"... e acho que sem perceber eu realmente dei um tempo ao tempo, realmente deixei-o passar por mim sem prestar muita atenção, sem dar importância talvez. Sabe quando a gente acaba achando que tudo é pra sempre e de repente o pra sempre acaba? Bom, não que acabe literalmente, mas que deixe de ser o que era, o que é suficiente pra mais um clichê: "se lembra quando a gente chegou um dia acreditar que tudo era pra sempre, sem saber que o pra sempre, sempre acaba!". Pois é, descobri que acaba mesmo!!! Nada é pra sempre, tudo muda e nada continua igual. É, outro clichê... E de repente eu percebo que ando realmente assustada, com medo de me aproximar de pessoas e perdê-las em seguida, medo de amar, medo de gostar, medo de ir, medo de ter que recuar, medo de tomar atitudes e depois me arrepender, mas o medo é inevitável as vezes... O medo nos torna capaz de perder nossa confiança de uma tal forma que se torna imprevisível o amanhã! Não que fosse previsível, mas de qualquer forma é bom quando não existem surpresas, bom, pelo menos não as desagradáveis. rs

"já chorei e já sorri, a vida se renova e disso não dá pra fugir!"

Não me arrependo de nada por enquanto, e acho que nem daqui pra frente. Tudo serve de experiência pra uma próxima vez e quer saber? Me surpreendi. Achei que o passado fosse se repetir, e me enganei. Talvez se repita de alguma outra forma que eu ainda não saiba e que prefiro nem saber, pelo menos não agora... Acho que por enquanto prefiro continuar me sentindo imponente, importante, ou algo desse gênero.. Mesmo que depois descubra que criei uma ilusão sozinha da situação, rs, pode acontecer né?! Mas deixo isso pra depois, honestamente... Eu não tava preparada pra me apaixonar, mas meu coração é egoísta e só pensa nele, embora ele também não esteja preparado pra ver novamente alguém importante indo embora.. Mas acho que ele não se importa muito comigo, porque como eu disse, ele é um egoísta!!! E o pior, é que eu sou a prova viva de que quando o coração está no comando, todos os órgãos do corpo humano seguem seu controle, nenhum tem vontade própria, ou talvez não tenham tamanha grandeza pra enfrentar um órgão tão forte e tão majestoso. E quem sou eu pra ir contra?!?!

Só sei que, apesar de toda saudade, toda vontade, tudo que só eu sinto e que não se concretiza vale a pena quando eu vejo um sorriso tão lindo, uma felicidade que não tem tamanho, um coração tão carismático, tão... tão encantador!!! Os olhos brilhando com uma emoção que não tem explicação, que talvez não faça sentido e nem seja compreendido... Que talvez até seja como eu disse, apenas uma ilusão, mas uma ilusão tão linda que seria capaz de me enganar com toda força existente em um coração.
Não sei se to preparada pra enfrentar as consequências, não sei se vou conseguir seguir em frente daqui há um tempo, quando eu olhar pro lado e não ver mais o que eu via antes, não ter o que tinha antes... Talvez hoje eu sinta muito a falta disso tudo, talvez amanhã eu nem lembre mais, talvez quem decida ir embora dessa vez seja eu, pra não precisar dizer adeus obrigatoriamente mais uma vez, ou talvez o velho clichê "amanhã tudo estará melhor" tenha razão, rs... De qualquer forma vou indo até onde der pra suportar, vou esperando pra ver e se piorar é porque nem tudo era como eu pensava... Mas se melhorar, é porque tudo que eu disse, ouvi, senti e vivi, valeu a pena e MUITO!!!! E quer coisa melhor que isso? Receber a reciprocidade do que mais se espera?!?! Não, não existe nada mais lindo e mais especial!!!
Mas isso, só o tempo vai dizer. Mais uma vez, o velho clichê "dê tempo ao tempo que tudo se ajeita"

"é amor e amizade, em todos momentos... faça chuva ou faça sol vou te dizer, simplesmente é demais, o bem que você me faz..."

Ok, está tudo meio sem nexo, mas tudo bem! é uma verdade, e uma realidade. rs
Pra encerrar uma frase que vi no twitter e gostei muito..

"Tudo tem a hora certa pra acontecer, e na maioria das vezes aquilo que você mais deseja só vai acontecer quando você menos esperar." William Shakespeare

terça-feira, 19 de outubro de 2010

escrito em: 27/09/07

- e tudo que vc ja viveu ontém, se torna nada perto do que sentiu hoje, vendo a diferença do que vc imaginava ser, e o que realmente é. E tudo que você fez não valeu em nada, e tudo que tentou, e de todas as armas que usou... Você em poucos segundos percebe que aquilo nem era um sonho, foi simplesmente uma fantasia da sua mente, e você acorda, e você entende como tudo deve ser... E você vê que o melhor é fugir, pq se chegar muito perto, você esquece tudo que aprendeu, sua mente te ilude e você acaba não tendo como sair, e aí já era. E é então, quando você fala 'eu desisto', e vem sua melhor amiga e fala: 'não vou deixar você desistir', e você entende que precisa lutar, e entende que não tá sozinha,

e que no final, você saberá se foi em vão ou não, todas as suas tentativas.

escrito em: 24/09/07

E mesmo que eu nunca tenha sentido isso antes, prefiria nao sentir agora... Aquela sensação de me sentir completa, sentir que não existe ngm além de eu e você.. Não vou mentir, é bom te ter nos meus braços, é bom te fazer dormir no meu colo, e te olhar dormindo, é bom ser a que tá do teu lado. Mesmo que por algumas horas, ou até minutos ou segundos, é bom me sentir segura com teu abraço. O ruim, é quando o dia acaba e cada segundo vira saudade, mesmo aquele momento, que tocou uma musica linda e enquando você tava com os olhos fechados, eu te olhava, imaginando se taria pensando em mim, ou fingindo não se importar ao me ver indo embora, mesmo querendo me pedir pra ficar.

....

...

escrito em: 16/01/10

  • As vezes acontecem coisas na vida que você sente que não tá preparado pra enfrentar. Mas é certo que a vida as vezes muda em alguns sentidos, e seria muito ruim não aceitar isso... Ok, as vezes é um choque muito forte, e você chega a pensar 'sera que vou suportar?'... Mas, ao mesmo tempo, você sente como se fosse uma nova 'batalha', se é que pode chamar assim... Pois se você perdeu, siginifica que ja teve, e se ja teve, é porque foi capaz de realizar essa conquista, e se você teve essa capacidade uma vez, com certeza conseguirá de novo! Não dá pra não pensar nisso, porque, imagina se você achar que tá tudo perdido? que não tem mais jeito? A dor é forte, a mágooa é grande, e a decepção cresce cada vez mais... Ao invés disso é bom saber que pode contar sempre com o passado pra escrever o futuro, pois o que era no passado pode não ser mais, e o que não era, pode vir a ser! Claro que é difícil, alguem disse que seria fácil? Não... é preciso sabedoria, é preciso compreensão... É preciso entender as mudanças que ocorreram e se adaptar a elas da melhor forma possível, claro. Você vai ver que nada é como antes, mas que ainda é. Vai perceber que o sentimento não é demonstrado da mesma forma, mas ainda tá ali... Nada é igual, mas ainda é.. E você aprende que é desse jeito, e você entende é a única forma, e passa a aceitar como a vida passa a ser... E é isso que te dar forças pra continuar em frente com as 'armas' recém descobertas, saber que por mais que tudo mude, ainda vai existir... Só basta VOCÊ querer mudar também!


quarta-feira, 11 de agosto de 2010

O tempo...

Honestamente, onde eu estava com a cabeça???

Achar que seria diferente, que seria como eu imaginava... Francamente, que estupidez a minha! Pensar que, mesmo por alguns segundos apenas, você seria meu. Que eu poderia te beijar, te abraçar, e te olhar... Te olhar sorrindo, te olhar dormindo... Simplesmente te olhar. Ver você me olhando, e me deixando vermelha, simplesmente por me olhar... Aquele olhar lindo, tímido, que prende minha atenção, e me faz até esquecer o que eu iria falar... Que idiotice pensar que seria eu a te aconselhar nas horas confusas, ou comemorar nas horas felizes... Que seria eu a receber seu telefonema pra dizer 'estou com saudades' tarde da noite, ou um 'bom dia', ao amanhecer...
Bobagem pensar que, eu seria a que ficaria feliz simplesmente por você existir, e que deixaria meu dia melhor simplesmente por sorrir... Um sorriso lindo, cativante e até perfeito, que me ilimina, que me deixa imensamente feliz...
Loucura pensar que você lembraria de mim na primeira hora do dia, e também na última...

Onde eu estava com a cabeça por achar que você sentiria algo por mim?
Por ficar feliz apenas por te ver passar por mim, por sentir um frio na barriga ao te ver se aproximar, por corar quando diz algo que eu goste... Por esperar sua ligação, por reler suas mensagens infinitas vezes... Por achar, mesmo sabendo que não, que talvez no fundo você sentiria algo por mim!

Mas, de qualquer forma, eu sei que sempre estarei com você... Mesmo que em segredo, mesmo que você nem sonhe que eu sinta isso tudo! Vai doer, é óbvio! Mas ao menos vou saber que você está bem.. que está sorrindo, que está feliz... Porque, embora os seus sorrisos não sejam pra mim, não esqueça, o simples fato de você sorrir me deixa feliz, mesmo que o coração esteja em pedaços! =/

'Alguém que te faz sorrir, alguém que vai te abraçar
quando a escuridão cair, quando você precisar
de alguém que não vá mentir, que não quer te magoar
segundos antes de dormir, de mim você vai lembrar...'

terça-feira, 27 de julho de 2010

who knows? ...

É estranho, pensar que talvez tudo esteja acontecendo novamente.. e talvez pensar nisso seja até assustador! Saber que, nem tudo se perdeu, que o coração não foi inteiramente quebrado, e que novamente, há chance do amor acontecer... Nesse caso qual é o problema da palavra novamente? Porque parece estar errado? As vezes nem eu sei.... ;s
Mas, talvez haja novamente um alguém, e esse alguém te conquiste a cada dia um pouquinho mais.. e talvez esse alguém ganhe sua confiança, seu carinho a cada dia mais... E a cada dia que passa, começa a crescer dentro do coração um sentimento forte, um medo, uma sensação desconhecida... mas, desconhecida pra quem? quem realmente desconhece o que se passa dentro de si próprio? Amor? Paixão? Raiva? Alegria? Tristeza? Vontade de rir muito, ou de chorar... ou apenas MEDO? Medo de 'ter medo'... Medo de se entregar, medo de arriscar, medo de perder... Medo? Insegurança? Honestamente, é dificil dizer... É difícil dizer o que se passa dentro de mim mesma, dificil decifrar esse sentimento misterioso que a cada dia cresce mais, e a cada dia me domina... E que a cada dia, me transforma em uma pessoa diferente... uma pessoa que quer estar a todo minuto com outra pessoa... que a cada segundo sente uma necessidade enorme de um abraço, e por mais que o tenha não se satisfaz... um abraço forte, um beijo forte... so what's wrong? Talvez o erro seja o de ter medo do desconhecido, ter medo do que vem pela frente, medo do que ficou pra trás... talvez, medo de ver um terrível acontecimento acontecer novamente, e novamente, e novamente... Novamente até o coração dizer chega, e novamente até o coração fazer uma promessa de jamais deixar o novamente acontecer... Porque, se novamente acontecer, o coração não aguentaria... e essa dor é tão terrivel que te faz realmente sentir medo... É inevitável, mas o que fazer? O que fazer quando se faz uma promessa de jamais se apegar a alguém, pra não sentir a dor de ver esse alguém partindo, indo embora, novamente? Mas e quando acontece? e quando novamente você se entrega de todo coração a uma pessoa? E se de repente o novamente vier a tona? você iria suportar? iria ter coragem de assistir essa pessoa que de repente tomou conta do seu coração de uma tal forma que, você, ao saber que há possibilidade dela partir, sente a dor sem ao menos vê-la indo... ? Você se afastaria? Demonstraria sua 'dor'? Começaria a despedida? =/
Sinceramente, também não sei... =/ Se ficar, pode ser pior, e ir embora? Conseguiria???
Pra dizer a verdade, talvez nem seja verdade.. talvez nada aconteça, talvez seja só um medo bobo de perder esse alguém que a cada dia, toma seu coração pra si... e irá doer, claro que vai.. mas isso é só uma possibilidade, um talvez... no meio de tanta certeza que ja enfrentou! Uma certeza que, em apenas um minuto, te faz gerar uma dúvida terrível e perder a certeza até de quem você é, te faz perder a razão, perder os sentidos, perder o medo de perder...

Como fui deixar você se aproximar tanto? Como isso aconteceu? Quando? De que forma? Onde? Porque? Eu tinha prometido... e você me fez quebrar uma promessa! Me fez esquecer o medo, que eu tinha de me aproximar de alguém, novamente... E agora? e se você for embora? E se me esquecer? Você me esqueceria? Bom, se dissesse que não, talvez eu até acredite, portanto que não use o famoso 'pra sempre', porque nós sabemos que, o pra sempre só dura o tempo suficiente que seu coração permite durar... Mas o que importa? Você se aproximou, me conquistou, como se entrasse em uma mansão, e conquistasse cada cômodo.. deixando seu perfume por onde passasse, mostrando seu carinho, tão eterno quanto durasse... então por favor.. não saia desse coração, que agora é seu... e é seu enquanto você estiver nele... não vá muito longe, pro caso de não saber voltar... Mas... talvez você me diga que não quer experimentar esse desconhecido, talvez me diga que quer mesmo ir embora, e eu respeitarei isso... por mais que cause uma dor tremenda em mim... Mas, se esse dia chegar, me avise! Não me deixe descobrir sozinha que pretende ir embora... Embora, talvez, eu acredite que você nunca irá, realmente, ou novamente, deixar que isso aconteça. E é isso, é esse o motivo, que faz meu coração a cada dia que passa, ser mais seu, do que meu! Talvez demore um pouco pra eu descobrir se você quer ficar ou ir embora, mas, talvez, eu esteja me preparando pra isso... Talvez eu já esteja certa de que ficará, talvez meu coração já saiba a resposta, e está apenas enganando minha mente.... Talvez!

domingo, 25 de julho de 2010

hello =D

tá, criei isso aqui mas não irei escrever nada de interessante por agora.. xD
quem sabe outro dia =P
beijos.